Maior Blog de Gestão de

Projetos do Brasil

Juntes aos nossos milhares de leitores e receba atualizações, ebook, webinario, planilhas, templates, artigos e dicas imperdíveis para ter sucesso na gestão de projetos.

gestão de projetos em empresa de óelo e gás

5 impactos da gestão de projetos em empresas de Óleo e Gás

Como a gestão de projetos ajuda em empresas de óleo e gás? Projetos que envolvem a exploração de petróleo precisam de uma sistemática forte para que o controle, as aprovações e o acompanhamento se desenvolvam corretamente.

Sem a padronização dos procedimentos e um planejamento técnico e estruturado, é difícil manter a qualidade e se posicionar frente aos desafios. Assim, a gestão de projetos em empresas de óleo e gás se faz extremamente necessária.

A seguir, entenda os impactos positivos da gestão no cenário do offshore.

Qual a importância da gestão de projetos nessa área?

É comum que projetos falhem em diversos segmentos do mercado brasileiro, e os setores de energia, infraestrutura, óleo e gás também estão nessa lista. Grande parte desse insucesso se deve à falta do correto gerenciamento de projetos e da não aplicação das práticas eficientes e eficazes.

Por isso, para evitar falhas e erros, otimizar custos e melhorar as entregas, é importante utilizar metodologias que possam ser aplicadas na indústria de óleo e gás, como o Guia de Melhores Práticas de Gerenciamento de Projetos (PMBOK).

Primeiramente, é importante nomear um gerente de projetos para que ele crie e gerencie todo o planejamento, desde o estabelecimento de metas, escolha da equipe, monitoramento e controle até a entrega dos resultados. É necessário também que os gestores reconheçam a importância do planejamento e deixem de tomar decisões baseadas em sentimentos ou improvisos momentâneos.

Além disso, a gestão de projetos garante a eficiência e ajuda na identificação de gargalos operacionais na empresa, como o dimensionamento da estrutura organizacional, falta de logística, pouca governança, ausência de processos de gerenciamento de riscos e outros planejamentos necessários.

Ou seja, um projeto pode ser considerado bem-sucedido quando ele obtém uma avaliação positiva de quem o solicitou e atende todas as expectativas de custo, prazo e qualidade acordada, e para que isso aconteça, a gestão de projetos é fundamental.

Quais são os impactos positivos da gestão de projetos em empresas de óleo e gás?

As fases de um projeto precisam ser seguidas progressiva e sucessivamente, conforme os padrões estabelecidos. Para facilitar a organização e definição, o ciclo de vida é dividido em cinco fases.

  1. identificação da oportunidade;
  2. projeto conceitual;
  3. projeto básico;
  4. execução;
  5. encerramento.

Cada uma dessas etapas é subdividida e alocada em setores e equipes disponíveis. Assim, ao utilizar uma gestão qualificada, fica mais fácil garantir os resultados, seguindo os padrões esperados. Confira os principais benefícios da gestão de projetos para as organizações de óleo e gás.

1. Redução de custos

Todo gestor precisa estar atento às reduções de custos possíveis, e no setor de óleo e gás isso é fundamental. Projetos desse setor têm custos milionários e cada erro de cálculo ou entrega pode impactar negativamente no orçamento disponível. Por isso, ao aplicar os métodos de gestão, é possível identificar todos os gastos envolvidos, criando metas e objetivos a cada etapa.

Além disso, ao utilizar a tecnologia e softwares que auxiliam na organização e planejamento, fica mais fácil determinar prioridades, estabelecer treinamentos para a equipe quando for necessário, e até cortar custos, conforme a avaliação dos prazos e os indicadores.

2. Aumento de produtividade

A gestão serve para padronizar e determinar o que cada colaborador deve fazer e quando isso precisa ser feito. Portanto, uma rotina é estabelecida, e isso impacta diretamente na produtividade das entregas.

Com a gestão de projetos bem aplicada em empresas de óleo e gás, não é preciso que o colaborador perca tempo em atividades desnecessárias e que podem ser otimizadas. O planejamento já estará delineado e a equipe organizada, sendo necessário apenas colocar o trabalho em prática.

3. Melhorias nas tomadas de decisão

Todo gestor deve tomar decisões em sua rotina de trabalho. Contudo, essas ações podem ficar difíceis e gerar insegurança, caso elas não sejam baseadas em dados. Ainda é comum encontrar líderes que dizem tomar decisões baseados por suposições. No setor de offshore, por exemplo, uma decisão errada pode significar a perda de milhões de dólares.

Portanto, a gestão de projetos traz para a empresa o uso de metodologias para a escolha das ações. Dessa forma, toda decisão tomada, por mais que seja difícil ou que envolva muitos fatores, terá sido feita com base em dados concretos que subsidiam aquela escolha.

4. Gerenciamento de riscos

Um bom gerenciamento de riscos é preponderante para empresas de óleo e gás. Nessas organizações, há muitos fatores externos envolvidos que precisam ser levados em conta para alcançar o sucesso. O valor do dólar, o mercado internacional, as bolsas de valores e o consumo interno e externo são fatores que impactam os resultados, mas que não podem ser coordenados ou alterados.

Por isso, o gestor deve utilizar todos os dados e recursos disponíveis para controlar da melhor maneira os recursos humanos e materiais da organização e se preparar para minimizar ou mitigar os riscos e incertezas, caso eles ocorram.

Assim, uma gestão de projetos auxilia no gerenciamento de riscos, protegendo e criando valor para as organizações, melhorando os processos de tomada de decisão, deixando claro os riscos e incertezas, alinhando contextos internos e externos e sistematizando e estruturando ações.

5. Melhora no cumprimento de prazos

Os projetos no setor do petróleo são bastante complexos e envolvem vários fatores. Por isso, é comum que orçamentos sejam estourados e os prazos descumpridos. Portanto, por mais que imprevistos e erros possam acontecer, é dever do gerente de projetos criar planejamentos que auxiliem no acompanhamento do cronograma de cada etapa.

Dessa forma, caso uma equipe atrase já será possível criar parâmetros e perspectivas para que todo prazo não seja impactado. Além disso, mesmo que haja problemas, é importante informar ao cliente um novo prazo e explicar o que aconteceu e o que está sendo feito para contornar a intercorrência.

Portanto, estabelecer e guiar projetos na área de óleo e gás não é simples. Além de contar com uma equipe experiente e capacitada, um bom gestor deve utilizar as metodologias de gestão de projetos e as ferramentas certas para auxiliar em cada etapa.

Se você gostou do nosso conteúdo de gestão de projetos em empresa de óleo e gás, assine nossa newsletter e receba outros conteúdos como esse na sua caixa de e-mails!

Comece Agora!

falar-com-consultor-de-projetos

Quero falar com consultor

Converse com um de nossos especialistas sobre o Project Builder

Fale com consultor

demosntracao-software

Quero ver uma demonstração

Veja em detalhes como o Project Builder funciona.

Solicitar Demonstração

teste-programa-portfolio

Quero fazer um teste

Conheça na prática e use o PB por 15 dias gratuitamente

Solicitar teste

Para receber nossas novidades:

A Project Builder tem uma equipe pronta para entender suas necessidades e propor soluções efetivas.
info@projectbuilder.com.br

Av. Rio Branco 109, sala 2201 (cobertura)
Centro - Rio de Janeiro - RJ
CEP 20040-004

© 2019 Project Builder
Gerenciamento de Projetos

endeavor_empresas
Open chat
%d blogueiros gostam disto: