Blog PB

Tudo sobre Gestão de Projetos.

projetos de sucesso projetos de sucesso

Aprenda como escolher bons colaboradores e tenha projetos de sucesso

Toda empresa precisa buscar a melhor linha de profissionais e projetos de sucesso para conseguir atingir os resultados que busca. Na hora de escolher o time da equipe de projetos não é diferente.

Para que você possa desenvolver e entregar projetos de sucesso, vai precisar encontrar os melhores talentos e foi pensando em te ajudar com essa tarefa que fizemos uma pequena — porém importante — lista de sugestões que você deve seguir para montar uma equipe de peso. Confira!

1. Conheça suas necessidades

Parece meio óbvio, mas se tem algo que todo gerente de projetos deve saber para trabalhar bem na área é que o óbvio também precisa ser dito.

Tendo isso em mente, ao buscar colaboradores para seu time de projetos, tente entender muito bem o que você está procurando. Analise qual a função que cada peça do seu quebra-cabeças vai desempenhar e faça uma lista de atributos e habilidades que cada pessoa deve ter.

Além de considerar os requisitos técnicos, como experiência e certificações, quando for o caso, também preste atenção à personalidade que cada novo colaborador precisa ter. Reflita se você precisa de pessoas mais concentradas, dispostas a correr riscos e tecnicamente qualificadas.

Quanto mais detalhados forem os requisitos de cada posto a ser preenchido, maior a sua chance de conseguir filtrar as possibilidades de contratação que vão aparecer no meio do processo.

É muito comum, principalmente para cargos mais exigentes, ter que se decidir entre candidatos com perfis e currículos não muito homogêneos. Neste ponto, quanto mais você souber sobre o que precisa, mais fácil vai ser a seleção.

2. Defina o hunting ground

Caso você não saiba o que significa o que é o hunting ground, não precisa ficar preocupado. É fácil de entender.

Se você está buscando especialistas de uma determinada área de conhecimento e/ou formação, por exemplo, normalmente terá mais facilidade de buscar esse profissional em uma determinada região.

Imagine agora que esteja atrás de alguém da área de tecnologia. O melhor a fazer é procurar em cidades ou áreas conhecidas pela sua grande concentração de institutos de pesquisa, faculdades ou empresas do ramo. Se estiver atrás de alguém que tenha experiência com Comex (Comércio Exterior), pode buscar em regiões de portos e aduaneiras.

Ou seja, o hunting ground nada mais é do que o seu “terreno de caça” e para ter maiores chances de conseguir um profissional de boa qualidade no que você necessita, vai precisar conseguir identificar esses terrenos. Comece por aí a sua busca.

3. Faça um bom anúncio da vaga

Quando você anuncia um posto de trabalho, tanto dentro da sua própria empresa — para atrair quem já tenha a cultura interna, mas queira uma nova função — quanto para todo o mercado, é fundamental que se tenha atenção na hora de anunciar a vaga.

Nesse sentido, sempre há uma dúvida com relação a incluir ou não salário a ser pago para a vaga em aberto. Dependendo da posição que a sua empresa adota, talvez você inclua ou não este detalhe. Com relação a isso, o melhor é conferir como seu departamento pessoal ou quem quer que seja o responsável defina a questão.

Quanto ao resto das informações, o melhor é ser bastante claro e objetivo. Detalhe os pré-requisitos e deixe claro o que é obrigatório e o que é somente desejável.

Ademais, informe qual a função a ser desempenhada pela pessoa e o que se espera dela. Lembre-se: quanto menos importância você der para a necessidade de detalhar os pontos relevantes da vaga, provavelmente mais currículos terá que filtrar depois.

4. Considere o ambiente interno

Tendo em mente que o profissional contratado que vai subir a bordo junto com você para ajudar a tocar o projeto não conhece nada do ambiente em que vai trabalhar, isso pode fazer com que a pessoa precise de um pouco mais de tempo até se acostumar.

Por outro lado, você sabe melhor como é o ritmo de trabalho e a cultura organizacional da empresa. Por isso, ao buscar talentos para ajudar no seu projeto, procure por perfis de futuros colaboradores que se adequem bem à organização.

Se, por exemplo, você souber que é muito comum ter que ficar depois do expediente para resolver algum problema ou dar conta de uma entrega, é melhor pensar duas vezes antes de chamar para a equipe alguém que more muito longe ou que tenha compromissos para logo depois do trabalho.

Veja ainda se o ambiente interno inibe o trabalho de algum tipo de personalidade. Se ele for estressante demais, talvez contratar alguém muito sensível à pressão pode não ser uma boa ideia. Portanto, pondere bem sobre esse assunto para não precisar ter que fazer substituições cedo demais.

5. Avalie o conhecimento técnico e a personalidade

A área de gestão de projetos exige um nível considerável de conhecimento técnico e uma boa bagagem de experiência. Assim, ao buscar um colaborador para a sua equipe, confira o que o candidato mostra no currículo, qual a comprovação de experiência e também as referências que pode oferecer.

Contudo, não se esqueça de observar qual é o tipo de perfil que ele tem e como se comporta. Avalie se ele é confiável, proativo e tem espírito de equipe. Fique atento: qualquer pessoa que trabalhe com gestão de projetos precisa ter necessariamente essas três qualidades.

Inclusive, é muito comum alguns gestores de áreas técnicas focarem mais no conhecimento prático e formal dos candidatos e deixar um pouco de lado a questão do perfil, mas esse é um erro que você não pode cometer.

A questão é que se você não tiver um funcionário com conhecimento técnico no nível que precisa ainda pode ter a chance de fazer com que ele se instrua até chegar ao ponto que você deseja. Por outro lado, se tiver à mão um colaborador que tem todos os requisitos técnicos, mas que não tem o perfil adequado, é bem mais difícil conseguir moldar o comportamento dele.

Por isso, a busca por um profissional adequado deve considerar o equilíbrio entre a parte técnica e a comportamental. Como não é possível separar uma da outra, avalie com cuidado as suas opções, considere os seus prazos e também qual a perspectiva de futuro do projeto e do novo funcionário.

Agora que você já sabe como escolher os melhores colaboradores para garantir que conseguirá desenvolver projetos de sucesso, siga nossas redes sociais e aproveite para conhecer mais dicas e ter acesso a materiais que vão primorar seus conhecimentos de gestão de projetos. Estamos no FacebookTwitterLinkedInGoogle+ e YouTube.

 

Comece Agora!

falar-com-consultor-de-projetos

Quero falar com consultor

Converse com um de nossos especialistas sobre o Project Builder

Fale com consultor

demosntracao-software

Quero ver uma demonstração

Veja em detalhes como o Project Builder funciona.

Solicitar Demonstração

teste-programa-portfolio

Quero fazer um teste

Conheça na prática e use o PB por 15 dias gratuitamente

Solicitar teste

A Project Builder tem uma equipe pronta para entender suas necessidades e propor soluções efetivas.
info@projectbuilder.com.br

Av. Rio Branco 109, sala 2201 (cobertura)
Centro - Rio de Janeiro - RJ
CEP 20040-004

© 2018 Project Builder
Gerenciamento de Projetos

endeavor_empresas
%d blogueiros gostam disto: