Blog PB

Tudo sobre Gestão de Projetos.

4 dicas de indicadores para gestão de projetos

As empresas brasileiras estão despertando para a importância de se trabalhar com gerenciamento de projetos, o que é muito positivo para o amadurecimento do mercado. (proponho mudar pois não é uma prática recente), obervamos uma grande dificuldade em se estabelecer indicadores de desempenho para um melhor acompanhamento. É como medir a febre de uma pessoa sem termômetro, usando apenas as mãos na testa do paciente.

Com critérios claros, os gerentes de projetos e a diretoria podem embasar decisões, estabelecer metas e até corrigir possíveis distorções no caminho. Reunimos quatro dicas de indicadores para gestão de projetos que vão lhe orientar na escolha de parâmetros.

1) Tenha uma referência
“Hoje demorei mais para chegar ao escritório do que ontem.”
“A taxa de juros é uma das mais baixas de todos os tempos.”
“Meu orçamento pessoal é 10% maior do que no mesmo período do ano passado.”

O que essas reflexões têm em comum? Comparam uma situação atual com uma anterior, que serve de referência. Essa regra também vale para a gestão de projetos. E muito.

Ter uma referência é fator decisivo para o sucesso. Há quem chame de base, previsto, planejado, etc. Os nomes variam, mas representam a mesma coisa. Ter uma referência é fundamental para a definição de indicadores.

2) Faça projeções e comparações
Indicadores para gestão de projetos permitem estabelecer projeções e realizar comparações. Para facilitar o entendimento, vamos dar um exemplo prático.

Escolha uma perspectiva (custo, tempo, percentual de realização, número de questões em aberto, etc) e dois ou mais momentos (dia, semana, mês, fim de uma fase, etc). Cruze estas variáveis e monitore. Armazene os valores ao longo do tempo. Dessa forma, você terá condições de identificar se está melhor, pior ou no mesmo patamar que a medição anterior.

O próximo passo é definir quais ações tomar em cada um dos casos.

3) Simplifique
Menos é mais. Que tal começar com algo simples? Simples de criar, de calcular e de verificar. Aí você pergunta: por que precisa ser simples se um software pode calcular por mim? Se você já foi questionado por seu cliente ou patrocinador sobre como obteve determinado resultado, sabe do que estou falando.

Quantos indicadores devo utilizar ao gerenciar projetos? Essa decisão depende do porte do seu projeto, da complexidade, da quantidade de pessoas envolvidas, de fatores políticos, entre outros. Para pequenos e médios projetos, entre três e cinco são suficientes.

Quais valores devo utilizar para os indicadores? Mais uma vez, simplifique! Abaixo, dentro e acima da referência. Tranquilo, não?

4) Agora é só começar!
Defina o mínimo necessário para começar e evolua com o tempo. Ao monitorar e encerrar seus projetos, você naturalmente perceberá oportunidades de melhoria. Não é à toa que existem níveis de avaliação para modelos, certificações e metodologias.

 

Agora que você ja conheceu nossas de indicadores para gestão de projetos, compartilhe!

Comece Agora!

falar-com-consultor-de-projetos

Quero falar com consultor

Converse com um de nossos consultores e descubra o que podemos fazer pelo seu negócio.

Fale com consultor

demosntracao-software

Quero ver uma demonstração

Veja em detalhes como o Project Builder funciona.

Solicitar Demonstração

teste-programa-portfolio

Quero fazer um teste

Conheça na prática e use o PB por 15 dias gratuitamente

Solicitar teste

A Project Builder tem uma equipe pronta para entender suas necessidades e propor soluções efetivas.
info@www.projectbuilder.com.br

Av. Rio Branco 109, sala 2201 (cobertura)
Centro - Rio de Janeiro - RJ
CEP 20040-004

© 2018 Project Builder
Gerenciamento de Projetos

endeavor_empresas
Fale conosco
%d blogueiros gostam disto: