Blog PB

Tudo sobre Gestão de Projetos.

7 coisas que você não deve fazer ao gerenciar um projeto

Um título que começa dizendo o que “não devemos” fazer é, no mínimo, estranho. Ao gerenciar um projeto, somos treinados para ser otimistas, olhar sempre para o lado bom, de forma positiva, e concentrar-se no que deve fazer. É difícil para nós aceitar que há coisas que não devem ser realizadas.

Mas, com o tempo, a experiência profissional ensina que há algumas áreas, práticas e comportamentos dos quais você desejará distância. 

Confira 7 comportamentos que você NÃO DEVE ter ao gerenciar um projeto: 

1 – Não acredite que a primeira resposta seja a verdadeira

Gerentes de projeto negociam o tempo todo. Diariamente lidam com horários, prazos, preços e resultados. Nunca aceite a primeira resposta se não atender às suas necessidades. Ao contrário, entenda como o início de uma negociação. Sempre tem aquela pessoa que dá um prazo absurdo para realizar uma tarefa simples. 

Quanto mais detalhes você conhecer do projeto e, com a experiência, você saberá quanto tempo leva para realizar certas tarefas. As pessoas tendem a esticar o trabalho pelo maior período de tempo possível. Gerentes de projeto devem reconhecer quando isso ocorre e inibir esse comportamento. 

2 – Não deixe o detalhe atrapalhar a visão do todo

É fácil pensar no gerenciamento de projetos como as atividades envolvidas em garantir que tarefas sejam cumpridas, checklists sejam atualizados, processos sejam seguidos, e procedimentos sejam implementados. Você pode ter tudo isso e, mesmo assim, seu projeto fugir ao controle. As ferramentas são diretrizes essenciais, mas não permita que se sobreponham à sua visão do projeto como um todo. Seu trabalho é tomar decisões sensatas e ter pensamentos inovadores e criativos. 

Pode ser um pouco confuso, pode exigir mais de você, ou procedimentos podem ser modificados. Isso é bom! Quando for concluído, você terá um projeto completo que acrescentou valor para a organização, e não apenas um monte de papéis assinados. 

3 – Não deixe que vejam seu desgaste

Gerenciar projetos é difícil e pode ser estressante. Lidamos com o desconhecido e muitas vezes com coisas impossíveis. Faz parte do jogo manter uma postura inabalável, sem atrapalhar o desempenho do resto da equipe.

O gerente de projetos lida com as políticas, as prioridades inconstantes, a indecisão, e a manipulação de recursos. Proteja sua equipe dessas turbulências, pense sobre o que deve ser feito e, só então, apresente uma direção para todos seguirem. 

Não exagere nas suas reações com tudo o que aparece pelo caminho. Em vez de tumultuar e piorar as coisas, é melhor esperar baixar a poeira e fazer melhor. Você pode virar noites tentando descobrir uma solução, mas o faça sozinho. As pessoas seguem e respeitam líderes que demonstrem controle sobre a situação, e não quem é indeciso ou confuso.

4 – Não faça o trabalho de membros da sua equipe

Imagine a cena. É fim de expediente e todos estão prontos para sair. Foi uma semana difícil e a equipe foi muito exigida. Ao verificar a integridade final de uma entrega que fazia parte do seu projeto, percebe que está errada. 

É uma coisa simples, que você pode corrigir sozinho. Mas não o faça. Peça para a pessoa responsável por essa entrega corrigir o problema. Não é questão de ser maldoso ou duro com a equipe. Ao contrário, é para que cada um respeite a função do outro. Sua função nesse projeto é de gerente de projetos e todas as responsabilidades que isso implica. Não é a de um engenheiro, desenvolvedor ou analista de negócios. Manter isso claro garante que as responsabilidades fiquem onde devem ficar, o que quase sempre significa melhores resultados no projetos.

5 – Não agrave as coisas muito cedo, nem muito tarde

Agravar as coisas é uma arte. Quando agrava muito cedo, as pessoas vão pensar que você é meio doido e vão querer tirá-lo da tomada. Se for muito tarde, perderá credibilidade e eficiência como gerente de projetos e poderá descobrir que sua carreira tem um problema. 

Não há ciência para o agravamento das coisas (saber quando fazer um grande negócio a partir de algo que está causando um grande risco ao projeto) que não seja aprender com as suas decisões erradas no passado. Como uma regra de ouro, sempre identifique as áreas que tem potencial para explodir em um projeto e impactar uma quantidade de outros departamentos e organizações. 

6 – Não se prenda aos detalhes

Sejamos sinceros: gerentes de projeto AMAM detalhes. Gostamos de saber como as coisas funcionam, a causa e o efeito, o que leva as pessoas a tomar decisões e agir. Essa fascinação com os detalhes, no entanto, pode nos deixar atolados em áreas difíceis de sair.

Pode ser que você se apaixone pela última tecnologia e queira entender os prós e contras. Ou, pode ficar envolvido em ajudar uma equipe em um problema complicado. Tente se manter longe desse tipo de atividade o máximo que puder. Esse é o trabalho que os peritos de sua equipe têm de resolver. Seu papel é continuar a pavimentar a estrada para o projeto seguir, como um todo.

7 – Não declare vitória antes do tempo

Foi um longo e árido caminho coberto de problemas e você finalmente pode ver a luz no fim do túnel: o projeto está prestes a acabar. Seu objetivo está próximo. Dá aquela vontade de diminuir o ritmo, não trabalhar tão duro, ou perder uma data do cronograma aqui e ali, já que está terminando.

Não caia nessa armadilha! Termine 100% do projeto. A realidade é que você “não sabe o imponderável”. Problemas e questões inesperadas podem estar à sua espreita, e você perceberá que precisa de cada minuto disponível para se dedicar a eles. Ou então você pode ter passado como uma brisa pelo resto do projeto, com tempo de sobra. Não há nada de errado em terminar a entrega mais cedo. 

A lista de “nãos” está longe de ser completa. Mas se os princípios descritos nessas sete áreas forem aplicados, logo você descobrirá que pode manter seus projetos em andamento com segurança até completá-lo e fora do buraco em que se enfiaram todos os outros projetos que foram mal. Apenas mais um motivo para usar nosso software em projectbuilder.com.br

Já sabe o que fazer quando estiver ao gerenciar um projeto? então compartilhe!

Comece Agora!

falar-com-consultor-de-projetos

Quero falar com consultor

Converse com um de nossos especialistas sobre o Project Builder

Fale com consultor

demosntracao-software

Quero ver uma demonstração

Veja em detalhes como o Project Builder funciona.

Solicitar Demonstração

teste-programa-portfolio

Quero fazer um teste

Conheça na prática e use o PB por 15 dias gratuitamente

Solicitar teste

A Project Builder tem uma equipe pronta para entender suas necessidades e propor soluções efetivas.
info@projectbuilder.com.br

Av. Rio Branco 109, sala 2201 (cobertura)
Centro - Rio de Janeiro - RJ
CEP 20040-004

© 2018 Project Builder
Gerenciamento de Projetos

endeavor_empresas
%d blogueiros gostam disto: